Casamento é quando existe amor.

Ele era o motorista da Antarctica, ela era a vendedora de uma loja do centro do Recife.

Dona Marluce era a dona do restaurante e ele chegou para despachar a cerveja enquanto ela tomava sua tradicional sopa. Ele resolveu pedir uma sopa também e de longe ficou de olho na “galega” como ele a chamava.

Ele é meu PAI, ela é minha MÃE!

Até que a morte os separe… Com eles foi assim. Depois de 18 anos juntos a morte separou os meus pais.

Esse encontro lá no restaurante de Dona Marluce rendeu, e eu e minha irmã viemos ao mundo. Millena e Helen, a corda e a caneca, as “gêmeas” da escola, a minha madrinha de casamento, a minha Prefer.

Eu não tive a oportunidade que eu queria de conhecer e conviver melhor com meu pai, aos 15 anos ele nos deixou, mas antes dançou a valsa comigo, na minha festa de debutante.

Minha mãe não teve festa de casamento, nem se vestiu de noiva. Minha irmã e eu crescemos perguntando a ela sobre o álbum de casamento, ela não teve o álbum também, mas o que ela teve durante esse tempo ao lado do meu pai foi amor. Porque casamento é isso! A festa é linda, emocionante, a benção de Deus é importante, mas de que adianta tudo isso se não tiver amor? Meu pai aprontou um pouco e minha mãe até sofreu um tempo, minha mãe já foi o segundo casamento dele, mas depois dela não veio ninguém. Foi “nos braços” dela que ele ficou até o último dia de sua vida.

E minha mãe? Ah! Essa o ama até hoje! Dezesseis anos depois e minha mãe não amou mais ninguém e viveu sua vida dedicada aos filhos (eu, Helen e Romero, nosso irmão por parte de mãe).

O jeito que ela fala dele, as histórias, o brilho nos olhos mesmo depois de tanto tempo me fascina. É esse amor que quero ter no meu casamento, é esse amor verdadeiro que quero oferecer diariamente ao meu noivo e futuro marido.

Há 16 anos ele dançava valsa comigo, mas esse ano no meu casamento ele não estará presente fisicamente, mas estará no meu coração, ou melhor, ele nunca saiu de lá. Minha mãe está muito feliz por esse momento que viverei com Kiko e eu sou eternamente grata a eles pela pessoa que me tornei.

Pai, obrigada por tudo! Mãe, você é a coisa mais linda da minha vida.

Chega logo 02.12.2017

mae-eu-vou-casar-valsa-quinze-anosmae-eu-vou-casar-valsa-painho-mainha-irmaomae-eu-vou-casar-meus-amoresmae-eu-vou-casar-aniversariomae-eu-vou-casar-aniversario-irmamae-eu-vou-casar-casal

2 comentários sobre “Casamento é quando existe amor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s